COMUNICADO AOS SERVIDORES

SEPE, um sindicato a serviço da política partidária e da desordem pública! Agora está convidando os servidores para mais um protesto e, desta vez, em frente ao FÓRUM da cidade com o objetivo de afrontar os juízes, como se a culpa por atrasos salariais fosse dos magistrados. Ou então uma estratégia deles (sindicatos) para estimulá-los a me punir por esse atraso. Podem esquecer! Cumpro meu mandato até o último dia e só saio dia 31/12. Administro hoje uma prefeitura pobre, é verdade, mas faço um governo limpo; apesar desses falsos líderes que querem sujá-lo. Por isso, faço esse alerta aos SERVIDORES: O SEPE tenta usá-los para fazer a política suja contra a cidade. Recentemente, seus “líderes” pediram ao MP, que os atendeu, bloqueando todas as contas da Prefeitura e não encontrando dinheiro algum. Na verdade, o bloqueio serviu para mostrar à Justiça, ao Ministério Público e à sociedade, quem MENTIA e quem sempre disse a VERDADE. Ficou provado nos últimos dois meses em que comandou essas contas que o município, infelizmente, não arrecada o suficiente para pagar essa folha salarial. O SEPE e os outros sindicatos mentiram para os Promotores afirmando que não pagamos em dia o salário porque não queremos. ENTÃO, O QUE O SEPE DESEJA ao convocar os servidores para ir para a frente do prédio da justiça é apenas promover BADERNA e enganar os funcionários como que protestando irão conseguir alguma coisa. Se o Governo tivesse como pagar jamais deixaria esse pessoal fazer onda. Não pagamos porque não temos dinheiro. Eles promovem essa agitação para vender a ideia de que atraso os salários porque quero; e não por não ter recursos.

PROCUREMOS ENTENDER AS AÇÕES DO SEPE

Sepe proíbe entrada dos funcionários de Secretaria Municipal de Fazenda

Qualquer sindicato quando faz um movimento e decreta um estado de greve, o faz porque reivindica direitos. Nessas greves do SEPE o que eles dizem pleitear:

 – Salários em dia;
 – Restante do 13º salário;
 – 1/3 de Férias.

Nós do Governo ainda não os atendemos porque não temos conseguido uma arrecadação que nos permita cumprir com nossos servidores as reivindicações e nunca dissemos que não pagaremos.

Então vem o seguinte questionamento: O EMPRÉSTIMO! Todas as câmaras votaram os de suas cidades, já em Cabo Frio os grevistas tomaram de assalto a Câmara agredindo os Vereadores e impediram a votação. A pergunta é: se o empréstimo seria para pagar o devido ao funcionalismo mas o sindicato impede a entrada de um dinheiro que seria também para eles, ELES QUEREM MESMO RECEBER?

♦ ARRECADAÇÃO

Nos últimos dias eles invadiram o prédio da Secretaria de Fazenda. Após serem expulsos pela JUSTIÇA, ocuparam a ENTRADA do prédio e não deixam as pessoas entrarem para pegar suas guias e pagar nos bancos os seus débitos. Se eles impedem que as pessoas paguem seus impostos, perguntemos: ELES QUEREM MESMO RECEBER?

É óbvio que, para eles, o atraso no pagamento é mais importante do que receber, deixando claro que o motivo da greve é politico, se não eles não ficariam contra aumentar a arrecadação do município.

SEPE PERDE NOVAMENTE

JUSTIÇA CONCEDEU DUAS LIMINARES NA TERÇA FEIRA PROIBINDO O SEPE E DEMAIS SINDICATOS DE INVADIREM PRÉDIOS PÚBLICOS. PENA QUE ELES SE ACHAM ACIMA DA LEI!

Ontem, por exemplo, o meu irmão Axiles Corrêa, Secretário de Fazenda, apesar dos seus 76 anos de idade, foi humilhado e desrespeitado pelo pessoal do SEPE quando tentava entrar no prédio para trabalhar, momento em que os diretores do SEPE e SINDICAF o agrediram moral e fisicamente. Foi triste e vergonhoso o que fizeram: empurrando-o e ofendendo-o e segurando suas pernas a fim de impedir sua entrada. Quanta falta de vergonha desses preguiçosos “sindicalistas“! Todos ali a ofender um senhor de quase 80 anos que só queria trabalhar. Uns vândalos travestidos de sindicalistas. Pior ainda foi o “radialista” Ademilton Ferreira, que não me perdoa por não querer pagar-lhe para falar bem do meu governo e, revoltado por isso, quis me dar o troco mostrando em seu face o vídeo com o meu irmão Axiles apenas mandando beijos para os grevistas, enquanto se fosse outro os trataria do jeito que merecem. Mas o meu irmão apenas mandou beijos mostrando, educadamente, quão ridícula foi a impiedosa manifestação de um grupo já rejeitado pela sociedade. O gritos, palavrões e massacre não tiraram a dignidade de um trabalhador sem máculas, mesmo com mais de trinta anos no serviço público. Pior foi a molecagem costumeira do péssimo radialista Ademilton Ferreira para com meu irmão. Assistam ao vídeo que ele postou e constatem o que os vândalos do Sepe vêm fazendo: Desrespeitam a todos e até a Justiça!

O DIÁLOGO É FUNDAMENTAL

Os pais dos alunos fizeram uma manifestação pacífica em frente a Sede da Prefeitura, bem diferente das realizadas pelo Sepe. A manifestação tinha intuito de uma conciliação entre o Governo e o Sindicato. Dando aula de civilidade no Sepe, os pais buscavam diálogo e não briga política. Recebi um grupo de pais de alunos do Rui Barbosa e o diálogo aconteceu! Pediram que eu fizesse uma exposição sobre a situação, pois não aguentavam mais ver os filhos sem aula. Então fiz uma explanação sobre tudo, o valor da folha da educação, mostrei balancetes de arrecadação dos meses atuais e dos anteriores à Crise do Petróleo, relatei sobre o estrago feito pelo PCCR nas contas por ter sido adotado de uma só vez, falei da dificuldade de diálogo com o Sepe, falei que os salários nunca deixaram de serem pagos a mês a mês, mesmo tendo trabalhado dois meses em oito de greve.

Ao final disse aos pais  o que devemos a eles, relatando: são duas parcelas das cinco do Décimo Terceiro, 1/3 das férias!  Solicitaram que eu fizesse um esforço para acabar com a greve apesar de minhas dificuldades.

Respondi: O que mais desejo é por um fim nessa situação, tenho feito grande esforço para pagar os salários dos servidores, só Deus sabe o quanto tem sido difícil. As reivindicações do Sepe como prioridades são:

a) Pagamento de duas parcelas que faltam do 13 salário;
b) Pagamento de 1/3 das férias;
c) aposentadorias para os que desejam parar de lecionar;
d) Vale transporte;
e) pagamento até o primeiro quinto dia do mês.

Como não posso resolver esses casos agora, sugiro aos senhores pais que conversem com os diretores do sindicato para acordarmos o seguinte: SALÁRIOS! Eles já sabem que a maior parcela do Fundeb e Icms chega no meio do mês e que, enquanto estivermos com a arrecadação em baixa, precisarei continuar pagando os salários até 15 dias do vencimento como nunca deixamos de fazer. Conceder um tempo de, até dois meses, para pagarmos as duas parcelas que faltam do décimo terceiro salário e 1/3 das férias. Para os professores em tempo de aposentadoria aplicarmos a Lei: pagando o percentual a que têm direito enquanto aguardam o Ibascaf aposentá-los. (Aposentar agora 50 professores implicaria em ter que contratar para seus lugares outros 50). Se a prefeitura já tem dificuldades para pagar 50 como vai conseguir pagar a 100? O vale transporte já foi pago quarta-feira.

Os pais ficaram satisfeitos com a reunião  pois conheceram a real situação da prefeitura e encontraram um prefeito diferente do que o Sepe fala, disposto a resolver e que dialoga. Falei na saída para eles: Não se entusiasmem pois terão dificuldades, encontrarão um Sepe com dirigentes que, na verdade, não querem o fim dessa greve, por isto que postei ontem que pagarei a quem trabalhou. Estava adivinhando,  porque o que esses pais vem apanhando dos professores ligados ao sindicato por terem dialogado comigo é de deixar qualquer um estarrecido.

NOTA SOBRE A GREVE DOS PROFESSORES

Os professores já vêm fazendo greve há 4 meses. Nesse período, embora não tenham trabalhado, sempre receberam seus salários sem descontarmos qualquer dia parado, tanto do grevista como aos seus simpatizantes. Nesses quatro meses não pagamos aos mesmos no dia do vencimento, porém o atraso nunca foi maior que 10/15 dias. A vitória maior foi que, com essa crise, não deixamos de pagá-los e aos outros servidores nem um mês, e são 14.000!

Infelizmente, devido à crise ter aumentado para Estado e Prefeitura que arrecadaram menos ainda esse mês, novamente teremos que pagar na data que OS PROFESSORES CONHECEM BEM: QUANDO CHEGA A MAIOR COTA DO FUNDEB e ICMS, que é a terceira terça feira de cada mês. Neste mês cairá no dia 21/06, como o vencimento foi dia 7/06 o atraso será de 14 dias. Ocorre que o Sepe finge querer receber em dia quando, na verdade, quer é que nem consigamos pagar aos professores para continuar a greve totalmente POLÍTICA. Se não fosse assim, não ficariam pernoitando na porta da câmara para a cidade não ter o empréstimo que tem direito por lei. Sabem que com dinheiro eu pago aos funcionários todos os seus direitos e a Greve acaba, isso é o que menos eles querem!

Comunicamos aos funcionários que permaneceram no trabalho que começaremos o pagamento por vocês! Em tempo: Ressaltamos que não pagamos os salários em dia, porque nossa arrecadação não permite que o façamos. Nossa folha de servidores é de 37 MILHÕES e a arrecadação mensal é de 34 MILHÕES. Antes do PCCR a folha de pagamento dos servidores era de 25 MILHÕES e a arrecadação de 55 MILHÕES. Tínhamos 30 milhões além das despesas com funcionários. Hoje, para pagarmos os servidores, temos 3 milhões a menos.

OS DIRETORES DO SEPE FALTAM COM A VERDADE

NÃO EXISTE O SALDO DE 8 MILHÕES NO FUNDEB COMO AFIRMAM, NA VERDADE ELES ATÉ SABEM QUE O FUNDO NÃO PAGA A FOLHA SOZINHO, POR ISTO A PREFEITURA COMPLETA TODO MÊS A MESMA COM MAIS DE R$ 3 MILHÕES, PORTANTO NÃO EXISTE SALDO DE R$ 8 MILHÕES MAIS SIM, DÉFICIT DE R$ 20 MILHÕES. QUALQUER PESSOA QUE DUVIDE DO QUE COLOQUEI AQUI ESTOU PRONTO PARA PROVAR ESSA VERDADE.

O SEPE RESOLVEU MANTER A GREVE que sabemos ser DE CUNHO POLÍTICO. A base do sindicato é IDEOLOGIA DO ÓDIO e a mentira, tudo para desestabilização do nosso governo , que como todos sabem já está castigado por suas perdas financeiras. MENTIAM PARA POPULAÇÃO! ALEGAVAM QUE A GREVE PERDURAVA PORQUE EU NÃO ACEITAVA CONVERSAR, NO ENTANTO, APESAR DOS PROTESTOS E OFENSAS PÚBLICAS QUE SOFRI DESSES ADVERSÁRIOS INFILTRADOS NOS SEPE, FUI A CÂMARA apresentei AOS DIRIGENTES sindicais E VEREADORES OS NÚMEROS completos DA RECEITA, PROVANDO QUE PRECISAMOS , para pagar a folha sem os 15 dias de atraso, de um reforço de caixa e estamos trabalhando para isso. SEMPRE PAGAMOS NA TERCEIRA SEMANA DO MÊS, DATA EM QUE RECEBEMOS A PARCELA MAIOR DO FUNDEB E ICMS. AO VOLTAR DE BRASÍLIA COM POSSIBILIDADE DA RECEBERMOS O QUE PERDEMOS COM O PETRÓLEO, FIZ UMA NOTA COM UM APELO PARA QUE OS PROFESSORES ACEITASSEM RECEBER COM ESSES 15 DIAS DE ATRASO DURANTE MAIS DOIS OU TRÊS MESES QUANDO ESTAREMOS COLOCANDO EM DIA ESSES SALÁRIOS. MAS, NA ASSEMBLÉIA de ontem RESOLVERAM NÃO atender nosso apelo em benefício de NOSSAS CRIANÇAS, que não podem fazer suas matrículas EM 2016 porque não encerraram 2015. A DIRETORIA DO SEPE SABE QUE NÃO TEMOS O DINHEIRO MAS LEVAM PARA OS COLEGAS NA ASSEMBLÉIA ESSA MENTIRADA DE QUE TEMOS DINHEIRO GUARDADO. Se fosse verdade seríamos idiotas! PAGAR por três meses a essa gente toda em greve, tendo dinheiro guardado.

Na verdade, seríamos desumanos vendo 40 mil alunos sem poder fazer suas matrículas SOU OBRIGADO AGORA ADMITIR QUE NÃO ESTAMOS LIDANDO COM DIRIGENTES SINDICAIS SÉRIOS, JUSTOS e Compreensivos, NA VERDADE SÃO MAUS, DESUMANOS E CRUÉIS. SÃO PESSOAS SEM CORAÇÃO e o pior, SÃO desobedientes A JUSTIÇA. NO DIA 2/2/2016 o juiz MANDOU VOLTAREM AS ESCOLAS para conclusão de 2015 e fazerem OS BOLETINS DOS ALUNOS. HOJE, DIA 5/3/2016, mais de 30 dias depois, NÃO OBEDECERAM E AINDA, IRRESPONSAVELMENTE, DECIDIRAM MANTER A GREVE. O município está perdendo 250 milhões a cada ano, com muita dificuldade tem mantido a saúde, não fechando hospitais ou qualquer outro setor. Com 250 milhões a menos a cada ano, mantém a educação, incluindo as cinco grandes escolas de ensino médio que é responsabilidade do Estado. OS DIRIGENTES DO SEPE E OS SEUS LIDERADOS NÃO DESCONHECEM ESSA REALIDADE, FINGEM NÃO ENXERGAR, NÃO OUVIR E NÃO SENTIR. Não ligam para A COMPLICADA situação DAS NOSSAS FINANÇAS. O dinheiro que dizem termos, e que daria para PAGAR a Folha : É UMA tremenda MENTIRA desses irresponsáveis dirigentes que apenas desejam justificar uma greve levando para os colegas valores inventados . Em 2015, para pagar essa folha do ensino fundamental, tivemos que utilizar recursos da receita interna o valor aproximado de 30 MILHÕES, porque os 104 milhões recebidos pelo Fundeb foram insuficientes, mas eles por maldade e perseguição POLÍTICA tentam enganar a população e os pais dos alunos afirmando TEMOS RECURSOS, ainda que tenham visto na Câmara os balancetes. Fiz a minha parte dialogando e mostrando a realidade das contas da prefeitura. Não tenho, por enquanto, como não atrasar o pagamento em 15 dias. Estou trabalhando muito para conseguir dinheiro e colocar a folha dos servidores em dia, por isso pedi uma tolerância de dois meses a três meses. Mas, eles riram do meu pedido para que retornassem as aulas. Agora minha luta será apenas até a justiça sentenciar. Estou com minha consciência tranquila como democrata e obediente a lei. 3 meses de greve, todos em casa, sem trabalhar e os paguei. Os dirigentes e professores, nos três meses, ofendendo a mim e ao governo, receberam para o sindicato a contribuição sindical. Aliás, faz três dias que pagamos R$ 62.000,00 SESSENTA E DOIS MIL REAIS – REFERENTES AO ÚLTIMO MÊS. Os meus me chamam de bobo por estar dando dinheiro ao sindicato para manterem a greve, afinal eu poderia estar retendo. Quero dizer aos meus amigos que paguei o sindicato porque, diferente dessa gente, não sou meio democrata mas um democrata que é capaz de colocar dinheiro nas mãos dos sindicalistas para comprar barracas e acampar em frente à prefeitura. Tenho feito a minha parte, se não sou compreendido nada posso fazer a não ser esperar POR JUSTIÇA.

ATÉ AMANHÃ

TRABALHO, UNIÃO E FÉ POR CABO FRIO

dd67a697b61548800a7edbdeaeeb79ab

Terminou agora a reunião aqui em Brasília no Ministério da Fazenda. Ainda não foi desta vez que retorno para Cabo Frio com a garantia do dinheiro que nossa cidade perdeu. Lembrando que só em 2015 a perda foi de R$ 296 MILHÕES DE REAIS.

No entanto, retorno bem animado porque avançamos bastante em nosso projeto de receber o que perdemos, considerando que tudo ocorreu por causa da crise econômica e da má administração da Petrobrás e não por erro do município. Aproveito o momento para fazer um APELO aos professores que, através do SEPE, se mantém em greve: o pedido é para que voltem às escolas e concluam os boletins dos alunos. É verdade que nos últimos 4 meses tivemos um atraso de 15/20 dias no pagamento dos mesmos. Mas agora, assim que conseguirmos receber o que temos direito ou parte dele, a primeira coisa que pretendo fazer é colocar em dia os salários dos nossos servidores. Que na assembléia de amanhã, se for possível, procurem dar um passo atrás para avançar depois, pois se nos próximos dois ou três meses não for conseguido nenhum recurso para Cabo Frio e, se não acabarmos com os 15/20 dias de atraso no pagamento, se acharem por bem, voltem a greve. É O MEU PEDIDO AOS PROFESSORES.

Volto a Cabo Frio mais animado e esperançoso.
Graças a Deus!