Bem-Vindo

Sejam bem-vindos ao meu Blog!

http://blogdoalaircorrea.com.br/wp-content/themes/mandigo/schemes/blue/images/bemvindo.jpg

A partir de hoje e todos os dias estarei aqui no meu jornal eletrônico Alair Corrêa Direto, falando com vocês.

Resolvi em outubro, após a eleição, que deveria ficar fora da mídia, mantendo-me há 10 meses em completo silêncio, sem ter concedido qualquer entrevista a jornais, tv’s ou rádios. Pretendo assim continuar. No entanto, aqui no Alair Corrêa Direto, estarei diariamente escrevendo sobre os acontecimentos do nosso País, Estado, Região e da nossa Cidade.

Quero convidá-lo a estar comigo, tanto lendo como também, se desejar, escrevendo ao nosso jornal eletrônico.

Pretendo escrever sobre vários temas, com destaque para economia, administração, negócios e sobre política. Acredito que sejam essas as áreas de atuação que norteiam o cidadão no enfrentamento de seus mais variados problemas e na busca de soluções.

Dentro desse contexto, abordaremos já nos primeiros números o seguinte:

A) Na cultura: Por que a casa histórica de Wolney de Souza, no centro da cidade, que precisava ser preservada foi demolida?

B) No social: Por que o asilo histórico que, durante anos, a Prefeitura e a Igreja Católica, juntas, mantiveram funcionando pode ser fechado?

C) No esporte: Por que o futebol de Cabo Frio, com a Cabofriense recebendo aqui os grandes clubes da 1ª divisão, sempre financiado  pelo município, foi rebaixado para a 2ª divisão?

D) Saúde: Por que em Cabo Frio, que recebe do Governo Federal mais de 2 milhões de reais por mês, faltam, em suas unidades, remédios que custam apenas R$1,00, como a dipirona?

E) Arrecadação: Por que Cabo Frio com uma Prefeitura que hoje arrecada por mês aproximadamente 25 milhões, está desde outubro (eleição) sem ter feito uma única obra? Corta vantagens dos funcionários e não paga o que deve?

F) Ser humano: Por que durante sete meses de campanha comprou e doou 140 mil cestas básicas, 20 mil por mês para cada família e hoje não dá uma cesta a ninguém? Só se tem fome em tempos de votos? Crueldade!

G) Programa Social: Por que todos os programas sociais, como distribuição de alimento, leite, remédios e materiais de construção foram cancelados e foram mantidos os mais caros, como a passagem de ônibus e o café do trabalhador? Alimentar o povo com comida, cuidar das crianças com leite, tratar da saúde do povo com remédios e construir banheiros para os pobres não é mais importante e digno? Quem está ganhando com isso?

H) A mídia: Por que toda a imprensa de Cabo Frio mantém-se em silêncio ou aplaudindo quando todos estão vendo que tudo está errado?

I) Riqueza: Por que a Administração da Prefeitura culpa a crise por sua inércia, se todo mês entram 24/25 milhões e a folha de pagamento consome 10 milhões? Sobram 14/15 milhões por mês. E aí?

J) Vamos falar de comércio falido, povo triste, desempregados. Vamos também comentar a respeito daqueles que não ligaram para a crise e a romperam com “sabedoria”, por exemplo, os que compraram, demoliram e venderam o Restaurante Picolino, o Chez Michou, a Caça e Pesca e outros prédios.

Bom, a partir de hoje vamos comentar sobre todos esses assuntos e outros que deixamos de abordar.

Todos nós sabemos que nossa cidade está, literalmente, falida e precisando de ajuda. Essa colaboração dada em forma de silêncio foi danosa à própria cidade. Toda a população passivamente, presenciou o vento tirar a areia da base e nada fez. A imprensa precisa das publicações das instituições da prefeitura ou da Secaf para sobreviver, por isso, não critica, ao contrário, aplaude. Quem poderia ter se levantado seria eu, mas iriam dizer que o meu grito era dor de cotovelo por ter perdido a eleição, ainda que fraudada como foi. Optei pelo silêncio forçado, difícil para um homem vibrante e, posso dizer, brigão como eu. Mas agora, 10 meses depois, sem o governo, poderiam dizer que a cidade está mal porque eu atrapalhei. Estou retornando com todo o meu vigor e todo o meu amor pela minha cidade.

Felizmente não sou culpado pela falência da cidade. Mas devo ser o responsável pela sua recuperação.

Alair Corrêa – Direto

Share and Enjoy

  • Facebook
  • Twitter
  • Delicious
  • LinkedIn
  • StumbleUpon
  • Add to favorites
  • Email
  • RSS