Entenda Como Funciona Uma Fintech

Entenda Como Funciona Uma Fintech

18/06/2019 Off Por Alair Corrêa

Nos últimos anos, esse é um termo que aparece cada vez mais dentro do mercado financeiro, mas, você sabe como funciona uma fintech?

Ou até mesmo o que significa esse conceito? Pois bem, ele surgiu através das startups e caracteriza empresas modernas, iniciantes e inovadoras.

Desse modo, que fazem uso da tecnologia para garantir eficiência nos processos e qualidade do serviço. Então, para saber o que é uma fintech, continue lendo e descubra esse conceito!

O Que É e Como Funciona Uma Fintech?

Como seu nome já insinua, a fintech é uma empresa de finanças que utiliza a tecnologia como parâmetro em seus processos – do inglês, financial + technology.

Assim sendo, este termo é a junção de finanças e tecnologia, o que a classifica como um startup de serviços financeiros. Conheça a Noverde, fintech focada em facilitar processos de solicitação de empréstimo, como empréstimo pessoal.

Seguindo a metodologia de serviço de excelência e preços acessíveis. O que se mostra uma solução para diversas pessoas e até mesmo para empresas.

Além disso, ela chega com diferenciais que vão além dos serviços oferecidos nas instituições tradicionais, sendo eles:

  • Conta corrente;
  • Cartões de débito e crédito;
  • Empréstimos;
  • Investimentos

Elas costumam oferecer ainda os serviços de gerenciamento financeiro, pessoal e/ou empresarial, emissão de boletos, microsseguros e muito mais.

equipe trabalhando

1. Como Funciona Uma Fintech?

Seu funcionamento é condizente com o modelo tradicional de startup e é justamente isso que determina a facilidade em oferecer taxas e preços abaixo do mercado convencional.

Uma vez que, seus serviços são todos ou majoritariamente digitais. Ou seja, feitos através da internet em plataformas próprias como:

  • Sites;
  • Aplicativos.

Isso é uma forma de facilitar a vida do consumidor e de melhorar a experiência do usuário. Atualmente, o fator determinante de maior destaque na competitividade.

Além disso, os preços acessíveis são obtidos ainda pelo menor custo de estruturas físicas, pois, muitas vezes existe apenas uma sede da empresa.

Se diferenciando do que acontece nos casos de bancos e instituições convencionais. Já que elas possuem diversas unidades – o que aumenta os custos físicos.

2. Serviços oferecidos:

  • Conta corrente digital: que oferece recursos diferenciados, fácil manuseio, recebimento de informações e atendimento. O que reduz a burocracia se comparada a versão convencional.
  • Cartões: tanto de débito, quanto de crédito sem anuidade e que podem ser gerenciados pelo aplicativo no celular.
  • Empréstimos: é possível solicitar sem sair de casa, o dinheiro é recebido em um tempo reduzido e com taxas de juros menores.
  • Investimentos: é feito através de corretoras online, com administração pelo app ou site da empresa.
  • Micro seguros: oferecidos a preços acessíveis que visa a proteção do patrimônio – seguro para automóveis, empresas, de vida, viagem, saúde, etc.
  • Emissão de boletos: uma solução para empresas receberem seus pagamentos, ou seja, a emissão de cobranças.

Conclusão

Portanto, agora que você já sabe como funciona uma fintech, provavelmente já percebeu que ela é um solucionador de problemas.

Uma vez que, ela busca oferecer serviços financeiros de forma simples e prática. Tudo isso através do uso da tecnologia de aplicativos e plataformas digitais.

O que você achou desse tipo de startup? Deixe sua opinião nos comentários e compartilhe!

[Total: 0    Média: 0/5]