Intercâmbio na Europa: conheça 5 vantagens de estudar na Itália

Intercâmbio na Europa: conheça 5 vantagens de estudar na Itália

08/01/2021 Off Por Alair Corrêa

A Itália é um dos melhores países do mundo para se viver, constantemente está na lista dos 20 melhores do mundo para morar.

Além de toda a hospitalidade, culinária, cultura e história, o país da bota ainda conta com inúmeras instituições de ensino renomadas no mundo todo.

Leia mais: 4 diferenças entre a faculdade privada e pública

Se o seu sonho é fazer um intercâmbio na Europa, hoje vamos lhe apresentar cinco vantagens para estudar na Itália.

Pegue um cafezinho, um bloco de notas, e já vai anotando os principais pontos que podem te fazer tomar a decisão de ir ao Velho Continente para aprender mais.

#1: Instituições de Ensino

Se você vai para a Europa e, consequentemente para a Itália, fazer um intercâmbio, certamente a qualidade do ensino será um dos tópicos que lhe fará tomar a decisão.

A nossa lista de vantagens de estudar na Itália já começa com as principais universidades do país.

Sendo classificado como um dos países que mais investem em educação, as instituições de ensino são um dos motivos de orgulho para os cidadãos italianos.

Para quem pensa em ir ao país da bota estudar, é bom já anotar as seguintes dicas. Nos anos de 2003 e 2004, os italianos remodelaram o seu ensino superior.

Por lá, é um pouco diferente do Brasil, são três ciclos de estudo, com títulos diferentes após a conclusão de cada um.

Ao terminar o primeiro ciclo, você estará graduado em um curso específico, o tempo de estudo nesse período dura cerca de três anos. O segundo engloba os mestrados e pós-graduações e tem um tempo médio de dois anos de duração.

Já o terceiro e último compreendem aos doutorados e outros títulos acadêmicos de pesquisa mais elevados, nesse caso, a duração varia conforme o curso escolhido.

Mas você quer saber quais são as melhores instituições de ensino do país para estudar, certo?

Vamos as cinco principais: University of Bologna, Scuola Normale Superiori di Pisa, Sant’Anna School of Advanced Studies – Pisa, Polytechnic University of Milan e Free University of Bozen-Bolzano.

#2: Hospitalidade

Tendo em vista que a maioria dos intercâmbios duram entre seis meses e um ano, conviver com a população local será inevitável. Para isso, nada melhor que um país acolhedor.

A Itália é um país que, além de receber milhares de estrangeiros ano após ano de braços abertos, também incentiva a integração dos estudantes de outros países.

Pela hospitalidade e facilidade na adaptação, fazer um intercâmbio no país da bota se torna uma experiência ainda mais incrível.

#3: Pontos Turísticos

Quando se viaja para outro país com a finalidade de estudar, conhecer ele é quase que uma obrigação. E cá entre nós, a Itália é um dos países que mais proporcionam belas paisagens e hospitalidade para seus visitantes.

O país da bota é o líder no ranking dos que mais possuem localidades declaradas como Patrimônio Mundial da Unesco, ao todo são 53.

Com cidades históricas como Roma e o Coliseu, ou Milão, capital mundial da moda, a Itália ainda apresenta inúmeras outras localidades atrativas para os intercambistas.

Já pensou em, de repente, dar um pulo em Verona e conhecer mais sobre a história de Romeu e Julieta? Por lá existe um dos pontos turísticos mais visitados do país, a casa da dama do enredo de William Shakespeare.

E, também, caso o dia esteja muito quente e sua ideia seja pegar uma praia, as da Ilha da Sardenha, no Mar Mediterrâneo são uma excelente escolha.

#4: Gastronomia

Toda essa nossa conversa deu uma fome em… E aqui vai mais uma vantagem de estudar na Itália, a gastronomia do país.

Certamente você já ouviu falar da cozinha italiana, uma das melhores do mundo. Seja com as tradicionais massas e pizzas, ou até mesmo com os vinhos deliciosos, a gastronomia italiana é um dos pré-requisitos para se tomar como decisão ir estudar no país.

No entanto, você sabia que o segredo da culinária por lá não está somente na receita? O principal ponto é o modo de preparo, sempre de uma forma perfeita e com carinho.

Na Itália, a culinária é também uma forma de arte, e por isso, conhecer o país se torna uma experiência muito deliciosa.

#5: História e Cultura

No passado, a capital da Itália, Roma, foi um dos centros mais importantes de um dos principais impérios da época, o Império Romano. Até hoje a história daquela época é lembrada por lá, seja com ruínas ou contos, um país que mantém viva suas memórias.

Por lá, você pode dar um pulo em Milão, Florença, Verona, Veneza e outras tantas cidades que carregam nas suas ruas e entornos a história viva de um país.

Imagine visitar ruínas antigas, conhecer mais sobre o berço do renascentismo e descobrir monumentos pelos antigos vilarejos. Incrível, não é mesmo?!

Essa é uma das vantagens de estudar na Itália, um país com uma vasta história e apreço pela cultura local. Nada mal ter esse combo em sua estadia por lá.

Leia mais: 5 maneiras de conseguir bolsa de estudo na faculdade

Conclusão

Quando se faz um intercâmbio em outro país, você carrega junto um combo de vantagens. E cá entre nós, a Itália é excelente para isso, não é mesmo?

Hoje, apresentamos cinco vantagens de estudar na Itália, um país com uma gastronomia impecável, inúmeros pontos turísticos para visitar nos momentos de folga, sem falar na hospitalidade dos cidadãos italianos.

Gostou da viagem que fizemos pelo país da bota? Não se esqueça que a Itália é um dos melhores do mundo para viver e estudar.

Uma excelente escolha para quem quer viajar para estudar mas ainda está indeciso sobre qual o melhor país.

[Total: 1   Average: 5/5]