Quais são as 7 áreas da Medicina Veterinária?

Quais são as 7 áreas da Medicina Veterinária?

18/06/2020 Off Por Alair Corrêa

O curso de Veterinária chama atenção de muita gente. Mas nem todo mundo tem intenção de trabalhar em clínicas, com aqueles pets mais tradicionais. A boa notícia, nesses casos é que existem diversas áreas da Medicina Veterinária que essas pessoas podem seguir.

O veterinário pode trabalhar em clínicas e hospitais, fazendas, zoológicos, parques de preservação, entre outros lugares. Nesses espaços, ele cuida tanto de animais domésticos quanto silvestres e pode até se especializar em uma área (cirurgia, por exemplo) ou em uma espécie. No total, são mais de 80 funções registradas no Conselho Federal de Medicina Veterinária (CFMV)!

Neste artigo, vamos mostrar um pouco mais sobre essas possibilidades. Além de dar algumas dicas no final para quem quer uma bolsa para Medicina Veterinária na faculdade. Continue lendo e confira!

7 áreas da Medicina Veterinária

1 – Veterinária clínica e cirúrgica

Essa é a área que a maior parte das pessoas imagina quando pensa em Medicina Veterinária. Afinal, os profissionais mais conhecidos pelo público em geral são aqueles que atuam em clínicas e hospitais veterinários, atendendo nossos animais domésticos. 

Além disso, esses profissionais podem trabalhar também em organizações não-governamentais, prestando apoio a animais abandonados ou famílias que não tem condições de pagar pelo atendimento. 

Eles também podem se especializar em algum aspecto do atendimento, assim como os médicos que atendem humanos. Entre as possibilidades estão ortopedia, psicologia animal, nutrição e dermatologia. 

Porém, essa é uma das áreas da Medicina Veterinária com maior concorrência, então se você escolher por ela, deve prestar atenção para se destacar no mercado!

2 – Veterinária rural

Mais longe dos centros urbanos, existe também a possibilidade de trabalhar para fazendas, granjas e grandes criadores de animais. 

Nesses casos, o veterinário cuida dos animais que serão utilizados para produção de carne, leites, ovos e outros derivados. Ele garante o bem estar dos bichos e a qualidade dos produtos finais. Para isso, supervisiona a alimentação, as vacinas, os remédios e demais cuidados. 

Em relação ao mercado de trabalho, essa é uma área com bastante oportunidade. Afinal, nem todo mundo quer sair das grandes cidades. Por isso, se você estiver disposto a trabalhar no campo, pode se dar bem!

3 – Perícia e veterinária esportiva

Outra das áreas da Medicina Veterinária que recebe pouca atenção é a que cuida dos animais em eventos e competições esportivas, como corridas. Mas essa também é uma possibilidade de atuação. 

O veterinário esportivo cuida da saúde dos bichos e garante que eles estejam em condições de participar da competição. Impedindo lesões e estresse. Já o perito veterinário examina os animais antes das competições, para ter certeza que não estão sob o efeito de alguma substância ilegal. 

4 – Inspeção sanitária

Você sabia que os lugares que vendem produtos de origem animal também precisam ser fiscalizados por um veterinário? Ele faz a inspeção de supermercados, por exemplo, para garantir que os alimentos sejam acondicionados de forma correta e estejam adequados para consumo. 

5 – Pesquisa 

Além disso, esses profissionais também podem auxiliar na pesquisa relacionada a animais. Nos centros de pesquisa e reservas naturais, eles estudam a reprodução de espécies ameaçadas de extinção. Além de auxiliarem no desenvolvimento de pesquisas sobre clonagem, melhoramento genético e alimentação. 

6 – Indústria

A indústria também é uma das áreas da Medicina Veterinária. Nesse trabalho, o veterinário auxilia na produção de produtos destinados ao consumo animal, como rações, vacinas, medicamentos, entre outros, para garantir que estão adequados aos bichos. 

Esse é um mercado bem grande. Principalmente porque, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet), o Brasil é o segundo maior mercado de produtos pet do mundo!

7 – Saúde pública

Por fim, vale mencionar também o trabalho dos médicos veterinários na saúde pública. Esses profissionais passam por concursos públicos e podem atuar em centros de zoonoses, vigilância sanitária, epidemiológica e ambiental. Ou até na Polícia Militar Ambiental. 

Eles garantem que as legislação com relação aos animais seja cumprida. Além de dar orientações à população sobre o combate a doenças que podem ser passadas pelos bichos para nós. 

Onde estudar Medicina Veterinária?

Gostou de saber mais sobre as áreas da Medicina Veterinária? Então você deve estar se preparando para ingressar nessa carreira. Nesse caso, deve ficar atento na escolha da melhor instituição de ensino. 

Afinal, trata-se de um mercado concorrido e que exige uma boa formação para cuidar da saúde dos animais da melhor forma. 

Dessa forma, escolha instituições sérias, com laboratórios e uma infraestrutura capaz de garantir que as aulas práticas sejam realmente aproveitadas. 

Também priorize faculdades com convênios para a realização do estágio obrigatório. Assim, você tem mais tranquilidade durante esse período e consegue completar a sua formação de maneira adequada. 

Uma dessas instituições, aliás, é a Estácio! Nela, você encontra todas essas vantagens e ainda pode concorrer a bolsas. Acesse o site da faculdade e se informe sobre as suas possibilidades!

[Total: 0   Average: 0/5]